domingo, 25 de julho de 2010

Atualizações

Twit This!
ND de cara nova, hihi. O que acharam? :)
Faz tempo que não posto porque praticamente não durmo. E sonhar acordada não é comigo haheuheau
Tive alguns sonhos que lembro mais ou menos:

Eu dirigia um carro vermelho e depois de uma birra em casa, eu fui até a casa do meu ex buscar as minhas coisas. Encontrei a avó e a irmã dele, conversamos e eu fui embora. 

Os mais atuais: 
A primeira parte do sonho foi estranha, estava eu na casa de um cara e então ele se sentou na poltrona e começou a reclamar do vizinho da frente que o perseguia. Disse pra ele chamar a policia, mas ele não queria se incomodar. Ele era meu marido e tinhamos filhos. Um casal. O Alex e a menina eu realmente não lembro o nome - era a caçula.
Então o meu "marido" começou a ignorar esse vizinho inconveniente. Não demorou muito, ele surtou - o vizinho. 
Eu peguei as crianças e fui embora enquanto dava tempo. Depois de muito "pega-pega", o vizinho matou meu marido.


A cena muda: eu estava no meu ex-colégio (é, troquei de colégio nesse meio-tempo que fiquei sem postar) e na minha sala de aula haviam apenas eu e quatro meninos. Isso porque o professor saiu nãoseiporquê e todos aproveitaram pra fugir, é. Nisso eles roubaram meu lanche - feito pelo meu suposto marido do sonho anterior que agora era meu pai - que eram cinco marshmallows *-* e tinha a G., uma menina que foi minha colega na quarta série, sempre que a coisa ficava feia, ela sumia pela mesma janela do meio do corredor e me deixava sozinha. Em todo o caso, quando pedi que me dessem meus marshmallows de volta, um dos meninos olhou pra mim:
- tá bom, desculpa.
E me entregou um dos marshmallows. Eu agradeci super feliz, até ver onde aquele marshmallow - e os outros - estava: no porta-giz do quadro-negro da sala de aula. Joguei o marshmallow nele e sai, então a N. surgiu do nada, me agarrou pelo braço e disse que já ia tocar o sinal pro recreio. Fomos até o refeitório.

Então, de repente, eu estou no apartamento da praia - vendido há muito tempo - com os meus pais, meu irmão, um garoto que eu não reconheci e meu falecido avô. 

Um comentário:

Cah. disse...

Flor, tem selinho lá no blog pra vc!